segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Por que você escreve???


José Castello, biógrafo e escritor, na época trabalhava no jornal "O Globo", em um diálogo com Clarice Lispector:

José Castello. "— Por que você escreve?

Clarice Lispector "— Vou lhe responder com outra pergunta: — Por que você bebe água?"
José Castello "— Por que bebo água? Porque tenho sede."
Clarice Lispector"— Quer dizer que você bebe água para não morrer. Pois eu também: escrevo para me manter viva."

domingo, 5 de setembro de 2010

Não são as respostas que movem o mundo, são as perguntas!

Até hoje os cientistas discutem como a vida começou, se a opção sexual é definida pela genética e porque você boceja quando alguém boceja.
Os biólogos querem saber como os pássaros migram, e os nutricionistas se o ovo faz mal a saúde.
Até hoje não se tem certeza de onde viemos, os filósofos ainda querem entender quem somos e existem umas duzentas teorias para onde vamos.
Os economistas querem explicar as crises e os cientistas como o cérebro funciona.
Como você pode ver, não são as respostas que movem o mundo. São as perguntas!

Fonte: Futura, o canal do conhecimento.

Estatutos do Homem.

Artigo I

Fica decretado que agora vale a verdade.
Agora vale a vida, e de mãos dadas, marcharemos todos pela vida verdadeira.


Artigo II

Fica decretado que todos os dias da semana, inclusive as terças-feiras mais cinzentas, têm direito a converter-se em manhãs de domingo.

Artigo III

Fica decretado que, a partir deste instante, haverá girassóis em todas as janelas, que os girassóis terão direito a abrir-se dentro da sombra; e que as janelas devem permanecer, o dia inteiro, abertas para o verde onde cresce a esperança.


Artigo IV

Fica decretado que o homem não precisará nunca mais duvidar do homem.
Que o homem confiará no homem como a palmeira confia no vento, como o vento confia no ar, como o ar confia no campo azul do céu.


Parágrafo único:

O homem, confiará no homem, como um menino confia em outro menino.

Thiago de Melo

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Cansei de lero-lero ;)

Mas ninguém sai de cima, nesse chove não molha
Eu sei que agora eu vou é cuidar mais de mim!!!

Como vai? Tudo bem
Apesar, contudo, todavia, mas, porém
As águas vão rolar, não vou chorar
Se por acaso morrer do coração
É sinal que amei demais.
Mas enquanto estou viva e cheia de graça
Talvez ainda faça um monte de gente feliz!!!

Rita Lee